Programação Python (Intermediário) - Prof. MARCO VAZ

MarcoVaz
2,374 views

Open Source Your Knowledge, Become a Contributor

Technology knowledge has to be shared and made accessible for free. Join the movement.

Create Content

Tuplas

Do ponto de vista técnico, as listas funcionam bem para armazenar conjuntos de itens que podem sofrer alterações durante a vida de um programa, isto é, são mutáveis. Por outro lado, há situações que não gostaríamos que os valores de uma determinada lista fossem alterados. O python possui uma lista onde os valores armazenados são imutáveis, denominada de Tuplas.

Definindo uma tupla

As tuplas se parecem exatamente com as listas, exceto por usarem parênteses no lugar de colchetes. Após a definição da tupla, pode-se acessar os elementos individualmente usando um índice, como é feito com as listas.

In [1]: z = (1,2,3,4,5)   # Criação de uma tupla

In [2]: z
Out[2]: (1, 2, 3, 4, 5)

In [3]: sum(z)          # Soma dos elementos da Tupla
Out[3]: 15

In [4]: z[2:]           # Fatiamento da Tupla 
Out[4]: (3, 4, 5)

Pode-se declarar uma tupla sem o uso de parenteses, como no exemplo abaixo:

In [10]: t = 1,2,3,4

In [11]: t
Out[11]: (1, 2, 3, 4)

Outra forma de criar uma tupla é com a função integrada tuple, com apenas 1 argumento. Se você quiser criar uma tupla contendo letras do alfabeto poderíamos usar tuple com uma string:

In [14]: z = tuple("ABCDEFGH")

In [15]: z
Out[15]: ('A', 'B', 'C', 'D', 'E', 'F', 'G', 'H')

Do ponto de vista conceitual poderíamos usar as tuplas para montar estruturas de dados heterogêneos enquanto a lista deveria ser usada para dados homogêneos, ou seja, todos seus elementos deveriam ser do mesmo tipo. Claro que cabe ao programador essa decisão. Pode-se utiliar as tuplas para dados heterogêneos (diversidade de tipos entre os membros) funcionando como um registro de dados, como uma linha de um banco de dados, um conjunto de colunas.

In [1]: alunos = ((1111, 'Ana', 'Rua x'),(2222, 'Marco', 'Rua Y'), (3333, 'Pedro', 'Rua Z'))

In [2]: alunos
Out[2]: ((1111, 'Ana', 'Rua x'), (2222, 'Marco', 'Rua Y'), (3333, 'Pedro', 'Rua Z'))

In [3]: alunos[1:]
Out[3]: ((2222, 'Marco', 'Rua Y'), (3333, 'Pedro', 'Rua Z'))

In [7]: for al in alunos:      # Loop na Tupla alunos
   ...:     print(al)
   ...:     
(1111, 'Ana', 'Rua x')
(2222, 'Marco', 'Rua Y')
(3333, 'Pedro', 'Rua Z')

In [8]: for mat, nome, ender in alunos:    # Loop na Tupla alunos individualizando os itens
    ...:     print(mat, nome,ender)
    ...:     
1111 Ana Rua x
2222 Marco Rua Y
3333 Pedro Rua Z

Atribuições de Tuplas

De vez em quando, é necessário trocar entre si os valores de duas variáveis. Com operações de atribuição convencionais, temos que utilizar uma variável temporária. Por exemplo, para fazer a troca entre a e b:

In [21]: a = 5

In [22]: b = 6

In [23]: temp = a

In [24]: a = b

In [25]: b = temp

In [26]: a
Out[26]: 6

In [27]: b
Out[27]: 5

O Python fornece uma forma de atribuição de tupla que resolve esse problema elegantemente:

In [21]: a = 5

In [22]: b = 6

In [23]: a,b =b,a

In [24]: a
Out[24]: 6

In [25]: b
Out[25]: 5

In [26]: a =(5,6)

In [27]: b =(7,8)

In [28]: a,b = b,a

In [29]: a
Out[29]: (7, 8)

In [30]: b
Out[30]: (5, 6)
Open Source Your Knowledge: become a Contributor and help others learn. Create New Content